Aromaterapia pode auxiliar no tratamento da Covid?

aromaterapia-no-tratamento-da-Covid

Social Media

Most Popular

Categories

Afinal como a Aromaterapia auxilia no tratamento da Covid?

Primeiramente a Aromaterapia é a arte e a ciência de usar óleos de plantas em tratamento dos desequilíbrios, através dos aromas. Considerada medicina natural, alternativa, preventiva e curativa.

Pois os aromas é o nosso contato mais íntimo com a natureza e têm o poder de:

  • Predispor ao sono, repouso;
  • Estado de alerta;
  • Criatividade;
  • Irritabilidade;
  • Criação.

Então olfato é o mais antigo e talvez o mais desconhecido dentre os sentidos desenvolvidos pelo homem.

Os óleos essenciais

Os óleos essenciais são substâncias não gordurosas, voláteis, produzidas pelo metabolismo secundário das plantas, têm geralmente consistência aquosa e límpida, podem solidificar em temperaturas baixas.

São solúveis em álcool, éter e outros compostos graxos, insolúveis em água e podem ser incolores ou apresentar desde tons claros até fortes e opacos.

Os óleos essenciais chamados de voláteis, pois quando expostos ao ar (temperatura ambiente), evaporam.

Fazem parte da composição dos óleos essenciais elementos orgânicos como carbono, oxigênio e hidrogênio. Formando então moléculas de álcoois, aldeídos, ésteres, óxidos, cetonas, fenóis, hidrocarbonetos, ácidos orgânicos, compostos orgânicos nitrogenados e sulforados e terpenos.

Assim as principais qualidades dos óleos essenciais são o aroma e suas propriedades terapêuticas.

Processo Olfativo

As células receptoras para a sensação do olfato são as células olfativas, originadas do próprio sistema nervoso central”.

Ainda assim os pelos ou cílios olfativos, localizados na extremidade mucosa da célula olfativa, reagem aos odores presentes no ar e estimulam as células olfativas.

O processo olfativo constitui uma série de reações interligadas, químicas e elétricas, na seguinte ordem:

  • Substância odorante levada pelo ar;
  • Entra no nariz e chega às células olfativas;
  • Formam um tapete de muco e reagem aos diversos odores por ligar-se a moléculas específicas;
  • Causam reações químicas e elétricas com consequente estimulação dos cílios olfativos.

Portanto as proteínas fixadoras de substâncias odoríferas, localizadas nos cílios, encarregam-se da transmissão dos sinais do sistema nervoso central, através da placa crivosa, dotada de perfurações nas quais nervos ligam-se aos glomérulos (glomérulos diferentes correspondem a distintos odores de diversos sinais olfativos).

É no sistema límbico que estão localizadas as células que processam as informações vindas dos terminais nervosos conectados ao bulbo olfativo.

Vias de administração da Aromaterapia

Via inalatória: o sentido do olfato atua principalmente a nível subconsciente sem que o córtex cerebral registre.

Ainda assim os impulsos nervosos captados pelos nervos olfativos enviados para o sistema límbico (amígdala, tálamo, hipotálamo, as glândulas pituitárias e a pineal e o hipocampo).

Sendo assim é o local onde se processam as emoções como prazer, dor, raiva, medo, tristeza, sentimentos sexuais e memória.

Via dermatológica: a pele é o principal órgão do corpo vinculado ao sistema neurossensorial por sua origem embrionária.

Logo após absorve os óleos essenciais por sua camada lipídica, através das glândulas sebáceas e folículos pilosos, possibilitando a ação terapêutica dos óleos essenciais.

Aromaterapia como tratamento integrativa não só do Covid

Sendo assim Inserida no Sistema Único de Saúde (SUS) por meio da Portaria Nº 702, de 21 de março de 2018. A aromaterapia compõe o rol de 29 modalidades terapêuticas institucionalizadas com a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares – PNPIC (BRASIL, 2018 b).

A inclusão das PICS no SUS, como política, posicionou o Brasil na vanguarda mundial da inserção das Medicinas Tradicionais, Complementares e Integrativas (MTCI) no sistema de saúde.

Portanto a aromaterapia fortalece o sistema respiratório melhorando as trocas gasosas, promovendo uma assepsia respiratória, relaxando a musculatura brônquica, aliviando a tosse e auxiliando nas expectorações.

No sistema imunológico, seus efeitos estão relacionados ao aumento das células imunológicas, e/ou sua atividade antisséptica frente aos agentes etiológicos.

Eles agem na membrana celular fosfolipídica danificando-a, causando um desequilíbrio iônico no interior da célula.

Na saúde mental a aromaterapia proporciona:

  • Equilíbrio das emoções;
  • Tranquilidade;
  • Clareza mental;
  • Reduz o estresse;
  • Ansiedade
  • Eleva o padrão do ambiente;

O efeito psíquico da aromaterapia deve-se à ligação direta dos receptores olfatórios ao Sistema Nervoso Central, produzindo alterações na química cerebral.

Aromaterapia no tratamento da Covid

A aromaterapia oferecida como suporte terapêutico aos profissionais de saúde que cuidam de pessoas com Covid-19, acometida ou não pela doença, em quarentena domiciliar ou em isolamento social.

Difusores aromáticos ambientais nos postos de enfermagem ou no repouso podem utilizar para garantir um clima de tranquilidade, equilíbrio emocional, além do fortalecimento de alguns sistemas, como o respiratório e o imunológico.

Sendo assim no momento não há estudos comprovando a eficácia dos óleos essenciais contra a Covid-19. As recomendações apresentadas estão fundamentadas em estudos prévios, frente a outras condições de saúde e epidemias.

Mas a grande potencialidade desse cuidado é o fortalecimento humano e nisso todos estão de acordo que, quanto mais equilibrados em sua integralidade, corpo e mente, melhor será a resiliência do indivíduo diante da crise que vivemos neste momento.

Você também pode acompanhar mais conteúdos exclusivos através do nosso Instagram:

@drathuannyfarina

Share:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

On Key

Posts Relacionados

Habilitação Coffito

Cursos de Capacitação para Fisioterapeutas espaço A Cursos em Estética é habilitada pelo Coffito a ministrar cursos de capacitação para profissionais fisioterapeutas de Toxina Botulínica,

Ácido Alfa Lipóico

Ácido Alfa Lipóico É um ácido graxo de cadeia curta, encontrado nas mitocôndrias, sintetizado no fígado e também é obtido na dieta pelas carnes de

Você sabe o que é BCAA?

Você sabe o que é BCAA O termo BCAA é na verdade uma abreviação de Branched Chain Amino Acids, ou Aminoácidos de Cadeia Ramificada, que